futuro

Administração

  1. O CURSO – ADMINISTRAÇÃO

O curso bacharelado em Administração da Faculdade da Amazônia (FAAM),  sito à Br 316, Km 07, n. 590 – bairro: Levilândia –Ananindeua – Pará, é devidamente autorizado sob a portaria nº 2.242 de 29 de julho de 2004, e reconhecido sob a Portaria de no. 408 de 11 de outubro de 2011, com 100 vagas vespertino e 100 vagas noturno.

O curso institucionalizou a duração de 8 semestres mínimos e no máximo 14 semestres contínuos, ou seja, sem levar em consideração trancamentos, e uma carga horária total de 3.700 horas. Atualmente o curso possui o CPC (Código Preliminar de Curso) equivalente a 2.

Nos últimos 3 anos (2012, 2013, 2014), para o curso de Bacharelado em Administração, foram ofertadas em média de 100 vagas distribuídas ao longo dos 8 períodos, portanto a quantidade ofertada esta de acordo com o solicitado na dimensão referente ao corpo docente e ás condições de infraestrutura disponibilizada pela IES. Quanto à infraestrutura física, além de diversos ambientes do uso coletivo (secretaria, biblioteca, laboratório, núcleo etc.). Atualmente o curso conta com 20 profissionais pertencentes ao quadro docente e 28 salas de aulas disponíveis com capacidade máxima de 50 alunos, além dos demais ambientes de uso coletivo. Atendendo assim de forma plena a infraestrutura necessária para a boa condução do curso.

O curso de Administração é coordenado desde 2012 pela professora administradora Luciana Tupinambá Dessy, a qual é a profissional que responde pela gestão e coordenação do curso de Administração da FAAM. Graduada em Administração de Empresas pela Universidade da Amazônia (UNAMA), e em Gestão e Produção de Eventos Culturais, também na UNAMA, é  especialista em Docência no Ensino Superior (FAAM) e mestre em Gestão Empresarial na UTAD (Portugal).

Objetivo do Curso

A implantação e a concepção do presente curso de Bacharelado em Administração estão inseridas na política das atividades educacionais definidas por esta instituição, visando à formação humanística, científica e tecnológica de profissionais a atender às necessidades emergentes de um mercado em constante e acelerada mudança e a tomar decisões administrativas objetivas que levem a um aumento da qualidade de infraestrutura em termos gerais. Tal mercado, por sua vez, espera medidas que permitam o desenvolvimento sustentável da economia do nosso Estado, e tenha em vista os anseios e as exigências das empresas localizadas em nossa região.

Os objetivos do curso foram traçados em consonância o perfil do egresso uma vez que abrangem aspectos como, Economia, Teorias da Administração, Administração Mercadológica, Administração de Produção, Adm. de Recursos Humanos, Administração Financeira e Orçamentária, Administração de Recursos Materiais e Patrimoniais, Administração de Sistemas de Informação, Empreendedorismo, além de se apoiar nas disciplinas presentes na estrutura curricular, que teve sua construção mediante aos levantamentos feitos junto ao contexto educacional que o estado do Pará e a cidade de Belém demandam, para a área administrativa.

Mais, especificamente, os objetivos se convergem para:

  • Integrar o processo de gestão organizacional no desenvolvimento local, regional e nacional, com visão do contexto global;
  • Promover de forma permanente a integração entre a organização e o meio ambiente, no bojo de processos de desenvolvimento sustentado e em contextos de grandes mudanças;
  • Manifestar capacidade de comunicação e trabalho em equipe, contribuindo para o gerenciamento eficaz das pessoas nas diversas formas de organização;
  • Atuar de forma planejada e estratégica, orientado pela sistematização de processos de tomada de decisão, por meio da identificação e análise de problemas dentro de um enfoque criativo, buscando o estabelecimento de prioridades;
  • Desenvolver métodos e técnicas utilizando-as nas diversas situações e fases do processo de gestão das organizações, a partir da integração de recursos teóricos e práticos desenvolvidos nos diferentes campos da ciência da administração e correlatos;
  • Liderar processos de criação e desenvolvimento de ações empreendedoras;
  • Identificar e explorar oportunidades para o desenvolvimento de atividades inovadoras relacionadas com a profissão;
  • Atuar de forma ética, responsável e movido por ideais de justiça, fraternidade e democracia.

Assim sendo, o profissional formado por este curso poderá exercer as seguintes funções:

  • Administração de Empresas: toda empresa precisa de um administrador para que ela não afunde ao longo de sua vida. Seja qual for o ramo, a empresa precisa desse profissional.
  • Administração de E-commerce: as lojas virtuais estão tomando conta do mercado mundial, inclusive do brasileiro, por isso é uma área que exige todo o cuidado e um bom administrador.
  • Administração financeira: controlar e administrar os custos de recebimento e pagamento da empresa é indispensável, por isso, contrate um bom administrador.
  • Logística: se você pensa em fazer administração, saiba que você também poderá trabalhar nessa área que tanto cresce no Brasil.
  • Administração de Recursos humanos: para contratar e manter bons colaboradores, a empresa também precisa de uma boa gestão de pessoas, por isso o profissional poderá trabalhar na área de RH na empresa para administrar várias tarefas. Afinal, o que um profissional de Recursos Humanos faz? São tarefas como:
    • Contratação, demissão, treinamento de pessoas, administram os benefícios do funcionário, colocação em cargos de acordo com experiência, relações trabalhistas e outros fatores que envolve pessoas.
    • Administração Hospitalar: hospitais públicos ou privados necessitam de um bom gerenciamento financeiro e principalmente de colaboradores.

3. PERFIL PROFISSIONAL DO EGRESSO

O egresso do Curso de Administração deverá ser um profissional com capacidade de diagnóstico, solução de problemas, intervenção no processo de trabalho, capacidade para trabalhar em equipe, auto-organizar-se e enfrentar situações de constantes mudanças, sem se desviar da ética profissional e do compromisso com a sociedade, apresentando desta forma flexibilidade intelectual e adaptação as diversas situações existentes.

Esses conhecimentos são oriundos de várias fontes: de formação geral - relevantes para a formação científico/cultural do aluno; capacidade relativas às ocupações correspondentes; da cidadania – atitudes e valores correspondentes à ética profissional e ao compromisso com a sociedade.

Desta forma o Administrador Geral deve ter as seguintes competências e habilidades:

  1. Criar, planejar, organizar e gerir seu próprio negócio;
  2. Elaborar pareceres, relatórios, planos e laudos pertinentes à área administrativa e à organização;
  3. Planejar, dirigir e coordenar estudos e análises, bem como a implementação de programas de racionalização administrativa;
  4. Planejar, dirigir e controlar o bom funcionamento de qualquer tipo de organização seja ela privada ou pública, ou de seus departamentos, tomando decisões, implementando-as e sobre tudo exercendo a supervisão;
  5. Criar estruturas organizacionais, estabelecer rotinas, elaborar regimentos, normas e procedimentos técnicos afetos à organização e sempre estabelecendo fluxos de trabalho, que irão decidir sobre técnicas de produção, comercialização, finanças e também administrativas de pessoal e material.

4. REGIME ESCOLAR, VAGAS ANUAIS, TURNOS DE FUNCIONAMENTO, DIMENSÃO DAS TURMAS E DURAÇÃO

  1. Vagas - são 200 vagas totais anuais, com duas entradas, nos turnos vespertino e noturno;
  2. Dimensionamento das turmas - turmas de 50 alunos, sendo que nas atividades práticas, as turmas terão as dimensões recomendadas pelo professor, com aprovação do colegiado de curso;
  3. Regime de matrícula - seriado /semestral em 8 períodos;
  4. Duração do curso - o curso tem a duração de 3.700 h/a ou 3.083 Horas Relógio, com tempo de integralização no mínimo de oito e no máximo de quatorze semestres letivos.

5. ESTRUTURA E CONTEÚDOS CURRICULARES

O curso apresenta estrutura curricular moderna, que possibilita flexibilidade e dinamismo ao currículo. O Modelo de Educação, implantado pela IES, está estruturado em conjuntos de disciplinas que são divididas em cargas teóricas e práticas.

O currículo pleno do Curso de Bacharelado em Administração proposto pela Faculdade da Amazônia – FAAM abrange os conteúdos básicos essenciais recomendados pela Lei nº. Lei nº. 9394/96 (LDB) Lei de Diretrizes e Bases da Educação no Brasil. O Cursos de Bacharelado em Administração da FAAM permite a solicitação de aproveitamento de competências profissionais, de acordo com a Resolução CNE/CP nº 3, de 18/12/2002, publicada no Diário Oficial da União (DOU) em 23/12/2002, que versa sobre o aproveitamento das competências profissionais adquiridas pelo aluno no mercado de trabalho.

A estrutura curricular do curso mantém equilíbrio e integração entre as disciplinas, sem provocar a sobreposição de conteúdo, mas possibilitando estudos de forma interdisciplinar de pontos que se constituem em eixos da proposta do curso. Desta forma, é de se considerar que o currículo proposto apresenta um alto grau de interdisciplinaridade, tanto interna como externa. Tal fato pode ser visualizado na estrutura curricular através da disciplina de Seminários Temáticos I e II. 

Com a finalidade de enriquecer o currículo, o Curso de Bacharelado em Administração prevê em sua estrutura curricular, Semanas Acadêmicas, Estágio Obrigatório Supervisionado I e II.

O aluno deverá cumprir uma carga horaria de 300 horas/relógio de estágio, divididos entre as disciplinas de Estagio Obrigatório Supervisionado I, e II, nas empresas parceiras da IES bem como deverá ir a campo investigar, levantar e aplicar seus conhecimentos para solucionar os problemas estudados em cada disciplina.

6. MATRIZ CURRICULAR APROVADA PELA PORTARIA DE RECONHECIMENTO DO CURSO – PORTARIA NO. 408, DE 11 DE OUTUBRO DE 2011.

SEMESTRE DISCIPLINA CARGA HORÁRIA
Economia I 40
Filosofia e Ética 40
Teoria da Administração I 80
Matemática 80
Português Instrumental 80
Metodologia Científica 40
Instituições de Direito 40
Carga Horária Semestral 400

SEMESTRE DISCIPLINA CARGA HORÁRIA
Contabilidade I 80
Economia II 80
Direito do Trabalho 40
Teoria da Administração II 80
Informática 40
Sociologia 40
Psicologia Organizacional 40
Carga Horária Semestral 400

SEMESTRE DISCIPLINA CARGA HORÁRIA
Administração de Materiais e Patrimônio 80
Contabilidade II 80
Direito Tributário 40
Estatística 40
Teoria da Administração III 80
Econ. Bras. e Contemporânea I 80
Carga Horária Semestral 400

SEMESTRE DISCIPLINA CARGA HORÁRIA
Administração Financeira e Orçamentária I 40
Econ. Bras. e Contemporânea II 40
Administração de Recursos Humanos 80
Administração Mercadológica I 80
Administração da Produção I 80
Direito Comercial 80
Carga Horária Semestral 400

SEMESTRE DISCIPLINA CARGA HORÁRIA
Administração Financeira e Orçamentária II 80
Economia Internacional 40
Administração da Produção II 80
Organização, Sistemas e Métodos 80
Estudos Econômicos da Amazônia 40
Administração Mercadológica II 80
Carga Horária Semestral 400

SEMESTRE DISCIPLINA CARGA HORÁRIA
Administração de Sistema de Informação I 80
Administração Mercadológica III 80
Administração Financeira e Orçamentária III 80
Administração de Vendas 40
Elaboração e Análise de Projetos 80
Gestão Ambiental 40
Carga Horária Semestral 400

SEMESTRE DISCIPLINA CARGA HORÁRIA
Administração de Sistema de Informação II 80
Gestão de Sistemas de Custos 40
Administração e Organização do Terceiro Setor 80
Ética Administrativa 40
Administração Pública 80
Pesquisa Aplicada a Administração 80
Carga Horária Semestral 400

SEMESTRE DISCIPLINA CARGA HORÁRIA
8º Análise das Demonstrações Contábeis 80
Gestão e Empreendedorismo 80
Planejamento e Gestão Estratégica 80
Auditoria Empresarial 80
Introdução ao Comércio Internacional 80
Carga Horária Semestral 400

  SEMESTRE DISCIPLINA OPTATIVA CARGA HORÁRIA
  Libras 80
Carga Horária das Disciplinas 3.200
Carga Horária das Atividades Complementares 200
Carga Horária de Estágio 300
Carga Horária Total do Curso 3.780
       

2.6.2. NOVA MATRIZ CURRICULAR DO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO, A PARTIR DE 2014.1

1º. PERÍODO
DISCIPLINA CARGA HORÁRIA PRÉ-REQUISITO
Matemática 80
Português Instrumental I 80
Metodologia do Trabalho Científico 40
Introdução ao Estudo do Direito 40
Filosofia 40
Teoria Geral da Administração I 80
Psicologia Organizacional 40
Atividade Complementar
Carga Horária Semestral 400

2º. PERÍODO
DISCIPLINA CARGA HORÁRIA PRÉ-REQUISITO
Contabilidade I 80
Economia Geral 80
Direito Empresarial 40 Introdução ao estudo do Direito
Teoria Geral da Administração II 80 Teoria Geral da Administração I
Informática Aplicada à Administração 40
Sociologia 40
Português Instrumental II 40 Português Instrumental I
Atividade Complementar
Carga Horária Semestral 400

3º. PERÍODO
DISCIPLINA CARGA HORÁRIA PRÉ-REQUISITO
Administração de Materiais e Patrimônio 80
Contabilidade II 80 Contabilidade I
Direito Tributário 40 Introdução ao Estudo do Direito
Estatística Aplicada à Administração 40
Teoria Geral da Administração III 80 Teoria Geral da Administração II
Econ. Bras. e Contemporânea 80
Atividade Complementar
Carga Horária Semestral 400

4º. PERÍODO
DISCIPLINA CARGA HORÁRIA PRÉ-REQUISITO
Administração Financeira e Orçamentária I 40
Contabilidade de Custos 80
Gestão de Pessoas I 40
Marketing I 80
Administração da Produção I 80
Legislação Trabalhista 80 Introdução ao Estudo do Direito
Atividade Complementar
Carga Horária Semestral 400

5º. PERÍODO
DISCIPLINA CARGA HORÁRIA PRÉ-REQUISITO
Administração Financeira e Orçamentária II 80 Administração Financeira I
Economia Internacional 40
Administração da Produção II 80 Administração da Produção I
Organização, Sistemas e Métodos 80
Marketing II 80 Marketing I
Gestão de Pessoas II 40 Gestão de Pessoas I
Atividade Complementar
Carga Horária Semestral 400

6º. PERÍODO
DISCIPLINA CARGA HORÁRIA PRÉ-REQUISITO
Sistema de Informação I 80
Administração Pública 80 Introdução ao Estudo do Direito
Terceiro Setor 80
Tópicos Integradores de Organização Local I 40
Logística e Cadeia de Suprimentos 80
Ética e Responsabilidade Social nas Empresas 40
Atividade Complementar
Carga Horária Semestral 400

7º. PERÍODO
DISCIPLINA CARGA HORÁRIA PRÉ-REQUISITO
Sistema de Informação II 80 Sistema de Informação I
Gestão Ambiental 40
Tópicos Integradores de Organização Local II 80 Tópicos Integradores I
Empreendedorismo 80
Análise das Demonstrações Contábeis 80
Jogos empresariais 40
Atividade Complementar
Estágio Supervisionado I 150
Carga Horária Semestral 550

                                                                      8º. PERÍODO
DISCIPLINA CARGA HORÁRIA PRÉ-REQUISITO
Gestão Estratégica 80
Auditora Empresarial 80
Direito Humanos e Cidadania 80
TC 80 METODOLOGIA DO TRABALHO CIENTÍFICO
Atividade Complementar
Optativas (Comércio Internacional ou Libras) 80
Estágio Supervisionado II 150
Carga Horária Semestral 550
Atividades Complementares 200
Carga Horária das Disciplinas 3.500
Carga Horária Total do Curso 3.700

7. SISTEMA DE AVALIAÇÃO

Haverá em cada período, obrigatoriamente, duas verificações da aprendizagem e uma prova final.

O professor, a seu critério, ou a critério do Colegiado de Curso, pode promover trabalhos, exercícios e outras atividades em classe e extraclasse, que podem ser computadas nas notas ou nos conceitos das verificações parciais, nos limites definidos pelo mesmo Colegiado.

Os alunos que tenham extraordinário aproveitamento nos estudos, demonstrado através dos instrumentos de avaliação específicos, aplicados por Banca examinadora especial, poderão cursar as disciplinas liberadas dos pré-requisitos indicados pela Banca, após o referendo Conselho de Ensino Pesquisa e Extensão, cumprindo um tempo de integralização menor, na forma da legislação em vigor.

A avaliação do rendimento será expressa em grau numérico de zero a 10 (dez) pontos, permitindo-se o fracionamento em décimos.

Atribui-se nota zero ao aluno que deixar de submeter-se à verificação prevista, na data fixada, bem como ao que nela se utilizar meio fraudulento.

Os alunos fazem também anualmente a Prova Integrada, de acordo com a Portaria no. 039/2010, onde nas avaliações de 1º. NPC os alunos serão submetidos a uma Prova Integrada, interdisciplinar, organizada pelos docentes no período letivo correspondente, sob a orientação do coordenador do curso, com base nos conhecimentos do ENADE e nas exigências do mercado atual, que deverá ter a pontuação de 1,5 (Um ponto e meio), a serem incorporados na contagem da avaliação.

Em cada disciplina, a média dos trabalhos escolares realizados durante o semestre forma a média de aproveitamento semestral.

O aluno obterá aprovação nas disciplinas mediante a obtenção de:

  • I  - mínimo de 75% (setenta e cinco por cento) de frequência às aulas previstas;
  • II - média igual ou superior a 7 (sete) nas avaliações parciais, computando-se a mesma como grau final; e
  • III - média igual ou superior a 6 (seis),correspondente à média aritmética entre a média das avaliações parciais e a nota do exame final.

O aluno que obtiver média inferior a 7 (sete) e igual ou maior que 4 (quatro) nas avaliações parciais deverá prestar exame final.

Considerar-se-á reprovado o aluno que:

  • I - Não obtiver frequência mínima de 75% (setenta e cinco por cento) das aulas da disciplina; e
  • II - Não obtiver, na disciplina, média final de verificação da aprendizagem igual ou superior a 6 (seis).

8. ESTÁGIO SUPERVISIONADO DO CURSO DE ADMINSTRAÇÃO

O Estágio é fundamental a técnica de aprendizagem, que possibilita a integração da teoria a prática e fornece o embasamento necessário para o melhor desempenho profissional. Assim, o curso de Administração lança mão de um eficiente processo de recrutamento e quando solicitado pelas empresas parceiras, um excelente trabalho de seleção e treinamento que possibilita a ampliação e/ou renovação de seus quadros técnicos e administrativos contribuindo para reduzir o investimento a que estão sujeitas quando contratam profissionais recém-formados, sem prática, pois abrevia o período de adaptação profissional e antecipa a utilização e o aperfeiçoamento de mão de obra desejada.

O Estagio programado e orientado, transforma-se em veículo de utilização de novas tecnologias e metodologias operacionais, acelerando a preparação efetiva e pratica dos talentos humanos necessários ao desenvolvimento econômico e social da nação, além de contribuir para o aprimoramento dos currículos e programas de estudo, resultando em eficiência e eficácia da formação profissional, adaptando as exigências da organização moderna.

Enquanto objetivos, o estágio supervisionado do curso de administração busca:

1-      Oportunizar aos estudantes atitudes para desenvolver suas habilidades, analisar situações e propor mudanças no ambiente organizacional;

2-      Atender no processo ensino-aprendizagem, a completude de atividade que, através da conscientização das deficiências individuais e iniciar a busca do aprimoramento pessoal e profissional, abrindo ao estágio oportunidades de conhecer mais a filosofia, diretrizes, organização e funcionamento das instituições;

3-      Promover a integração entre instituição de ensino superior – IES e organizações, facilitar o processo de atualização dos conteúdos disciplinares, permitindo adequar aquelas de caráter profissionalizante as constantes inovações tecnológicas, políticas, sociais e econômicas a que estão sujeitas;

4-      Incentivar o desenvolvimento das potencialidades individuais, propiciando o surgimento de novas gerações de profissionais empreendedores, capazes de adotar modernas técnicas de gestão, métodos e processos inovadores, novas tecnologias e metodologias operacionais.

DIMENSÃO OPERACIONAL:

  1. NÚCLEO DE ESTÁGIO:
  • Coordenar, acompanhar e orientar o desenvolvimento do Estágio Obrigatório, auxiliando quando necessário o estagiário durante todo o processo;
  • Acompanhar o cumprimento das etapas previstas pela Coordenação de Estágio da FAAM (Termo de Compromisso, Ficha de Atividades e Relatório Final);
  • Avaliar os Relatórios entregues pelos graduandos juntamente com a Coordenação do Curso.

  1. COORDENAÇÃO DE CURSO DA FAAM:
  • Indicar bibliografia e outras fontes de consulta auxiliando o estagiário na construção do relatório final;
  • Avaliar os Relatórios entregues pelos graduandos;
  • Estar atento à postura ética que o trabalho requer.

  1. SUPERVISOR NA EMPRESA
  • Introduzir o aluno estagiário na empresa;
  • Orientar, acompanhar e organizar as atividades práticas do estagiário na empresa;
  • Oferecer os meios necessários à realização de seus trabalhos;
  • Auxiliar o estagiário nas suas dificuldades, medos e ansiedades;
  • Estar disponível para atender as solicitações do supervisor de estágio ou da coordenação da IES quando necessário;
  • Encaminhar um Relatório mensal de desempenho e frequência do estagiário na empresa.

  1. SUPERVISOR NA IES:
  • Orientar o aluno quanto ao seu desenvolvimento do Estágio Obrigatório na IES, auxiliando quando necessário;
  • Avaliar as condições de trabalho que a empresa proporciona ao estagiário;
  • Acompanhar o estagiário e emitir ficha de avaliação a cada 2 meses sobre as visitas in loco (ver anexo);

  1. ESTAGIÁRIO:
  • Identificar a empresa onde irá desenvolver o estágio;
  • Providenciar documentação exigida acatando as solicitações da FAAM;
  • Identificar o responsável pela supervisão dos trabalhos a serem desenvolvidos na empresa;
  • Estar atento à postura ética que o trabalho requer
  • Apresentar à Coordenação do Núcleo de Estágio da FAAM os documentos: Termo de Compromisso, Ficha de Atividades e Relatório Final de acordo com o calendário acadêmico da Instituição em vigor.

ACOMPANHAMENTO DO ESTÁGIO:

  • ESTÁGIO CURRICULAR NÃO-OBRIGATÓRIO:

O estágio não-obrigatório é aquele desenvolvido como atividade opcional, pelo discente, porém, a carga horária realizada no estágio será acrescida 100 horas para a atividade acadêmica complementar. Portanto, todos os alunos do curso de Ciências Contábeis e de Administração da Faculdade da Amazônia até o 6º período não tem a obrigatoriedade em realizar o estágio supervisionado, porém no caso do estágio extra-curricular deverão cumprir e entregar para o Núcleo de Estágio via protocolo na Secretaria Acadêmica os seguintes documentos:

  • Termo de Convênio em 2 vias,
  • Termo de Compromisso para estágio não-obrigatório em 3 vias,
  • Elaboração do Plano de Estágio (ver ficha em anexo)
  • Orientação local por profissional ligado ao campo de estágio;
  • Avaliação do processo e dos resultados do estágio pelo Núcleo de Estágio e pela Coordenação do Curso, por meio de relatório de atividades emitido pela empresa.
  • Frequência e/ou Folha de ponto mensalmente

  • ESTÁGIO CURRICULAR OBRIGATÓRIO:

O curso de Administração da Faculdade da Amazônia conta com um mínimo de 300 horas de atividades de estágio que deverão obrigatoriamente ser concluídos até o 8º período do curso. Contudo, essa carga deverá ser dividida durante o 7º período e o 8º período, onde cumprirá no mínimo 150 horas em cada período. Lembrando que a conclusão da carga horária total de 300 horas é um requisito obrigatório para a conclusão do curso e consequentemente a colação de grau.

Os estagiários serão acompanhados dentro do seu local de trabalho pelo supervisor da empresa e receberá a cada 2 meses receberão a visita de um professor orientador da IES para acompanhar in loco o seu desempenho e se as atividades executadas estão de acordo com a proposta do curso em questão (ver atribuições do supervisor na IES no item 2 subitem D).

Os professores que estarão em contato com as Empresas e com a Coordenação do Estágio são:

- Joana Claudia Aleixo Amorim;

- Marília Matos Monteiro Gonçalves;

- Paulo Roberto Dias Pacheco;

O estagiário somente estará apto ao estágio no 7º e 8º período se seguir todos os critérios relacionados a seguir:

  • Termo de Convênio
  • Termo de Compromisso para estágio obrigatório e Elaboração do Plano de Estágio (ver ficha em anexo)
  • Orientação local por profissional ligado ao campo de estágio;
  • Avaliação pelo supervisor de estágio do curso;
  • Avaliação do processo e dos resultados do estágio pelo Núcleo de Estágio e Coordenação do Curso.
  • Frequência e/ou Folha de ponto mensalmente
  • Entrega do relatório ao final do semestre com data estipulada no calendário acadêmico em vigor.

INFORMAÇÕES PARA ESTRUTURAÇÃO DO ESTÁGIO

O supervisor de estágio terá horário para atendimento aos alunos estagiários, objetivando esclarecer possíveis dúvidas em relação aos seguintes aspectos:

  • Realização, de visitas de campo a cada 2 meses para acompanhar o processo de estágio dos discentes
  • Entregar a ficha de avaliação da instituição/empresa;
  • Ata de Orientação de Estágio
  • Ficha de avaliação do aluno
  • Informações sobre a estruturação do relatório final de atividades de estágio

O núcleo de Estágio também terá horário para atendimento aos alunos estagiários para esclarecimentos dos seguintes pontos:

  • Preenchimento de documentos obrigatórios pelo aluno (plano de estágio, relatório de atividades diárias, relatório final de estágio, avaliação de estágio).
  • Organização documental em arquivo próprio de cada curso.
  • Toda a documentação ficará disponibilizada em local apropriado para uso do curso.
  • Documentos que comprovam e constarão do arquivo da Supervisão de Estágio Controle de documentos de estágio;
  • Atividades de estágio realizadas em instituições externas;
  • Ficha de avaliação do supervisor de estágio da Faculdade;

RELAÇÃO ALUNO/PROFESSOR NA ORIENTAÇÃO DE ESTÁGIO:

A Faculdade da Amazônia através da Coordenação do Curso de Administração designa os professores-orientadores do Estágio Supervisionado para atuarem juntamente com os alunos, no processo de elaboração, execução e acompanhamento do Projeto, principalmente no que diz respeito à fundamentação teórica do mesmo, proposto em sua estrutura.

A apresentação dos professores-orientadores é feita no início de cada semestre, considerando a sua formação acadêmica e profissional.

A relação aluno/professor na orientação de estágio não será superior a 1 professor-orientador para cada 10 alunos.

TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO/ PROJETO DE GRADUAÇÃO

O trabalho de conclusão de curso constitui-se um momento de potencialização e sistematização de habilidades e conhecimentos adquiridos ao longo da graduação na forma de pesquisa acadêmico-científica. Trata-se de uma experiência fundamental na formação do aluno, uma vez que lhes proporciona a oportunidade de resolver de forma rigorosa e criativa, problemas teóricos e empíricos.

Para a obtenção do diploma é imprescindível que o aluno elabore o TC durante o último período do curso de Bacharelado em Administração, tornando assim esta atividade de caráter obrigatório.

O TC está devidamente previsto e implantado no âmbito do curso e da Faculdade da Amazônia - FAAM através da Resolução nº 08/2014 que versa sobre o Regulamento para trabalho de conclusão de curso. Esta resolução contempla todos os aspectos relativos ao TC como, por exemplo, definição de escolha de orientador, horários de orientação, número de orientandos, formas da avaliação de defesa.

Para a devida condução das atividades ligadas ao TC a coordenação deste fica responsável pela definição das datas de apresentações, publicação dos modelos de pré-projeto, formulários de orientações, formulação das bancas e os critérios de avaliação.

Ao Trabalho de Conclusão de Curso foi atribuída a sistemática avaliativa em que para a apresentação escrita reservou-se 70% da nota total e para a exposição oral, 30 % Importante ressaltar que os trabalhos deverão ser pautados dentro das linhas de pesquisas do curso determinadas pelo seu colegiado podendo ser realizados individualmente ou em dupla.

Cada professor pode orientar grupos de no máximo 03 alunos, os temas devem ter a haver com a área de atuação do curso e devem cumprir a carga horária de 80 horas. Para que estas horas sejam alcançadas os alunos tem um horário específico para tais atividades.

Como trabalho que se submete aos padrões da produção científica, o TC deve respeitar os seus parâmetros. Assim, ele envolve as seguintes etapas de acordo com o manual da Faculdade da Amazônia que se encontra publicadas no site http://www.faculdadedaamazonia.com.br, a de formulação de um tema, a elaboração de um projeto e a apresentação dos resultados de maneira a ser julgado pela própria comunidade cientifica    

O TC deve ser concebido e executado como uma atividade científica e, nesse sentido, deve possuir um caráter monográfico que respeita a área de estudos à qual se encontra vinculado.

EMPRESA JUNIOR (EJ)

Tendo em vista que a missão da Empresa Júnior da Faculdade da Amazônia - FAAM, é a de integração dos alunos da FAAM, com a realidade do mercado, verificar a necessidade de implementação dos embasamentos teóricos e científicos visto em sala de aula e os problemas que são apresentados pela sociedade m geral.

A implementação, reestruturação e o desenvolvimento da Empresa Júnior da FAAM, constatou-se a necessidade de trazer uma maior participação dos discentes dos cursos de Ciências Contábeis e Administração nos projetos sociais e ações de consultoria aos micro e pequenos empresários, contribuindo assim na formação de profissionais preparados para assumirem suas funções com responsabilidade e segurança.

A EJ será o ponto de partida para ratificar os conteúdos trabalhados em sala de aula com situações reais, assumindo características de um Centro de Prática Contábil e da Administração como um todo, onde os alunos irão desenvolver seus estágios obrigatórios dentro da EJ. Sempre coordenada pelos coordenadores dos cursos de Ciências Contábeis e Administração e pelos professores específicos de cada área, com objetivo de contribuir para a formação de consultores juniores.

Nas estações de trabalho os alunos, terão disponíveis sistemas de Contabilidade, fiscais e de Pessoal, mais as obrigações principais e acessórias a serem declaradas ao fisco Municipal, Estadual e Federal. Também, terão sistemas de empreendedorismo e jogos de empresas.

Missão

Despertar nos futuros profissionais a consciência social e empreendedora, propiciando o desenvolvimento de consultores juniores, capazes de atuar em mercados competitivos que exigem postura pro ativa, e uma visão globalizada, possibilitando-lhes estruturar e operacionalizar sistema de informações de natureza contábil e financeira, potencializando o processo de tomada de decisão.

Objetivo Geral

Preparar consultores juniores comprometidos com a informação contábil relevante para o processo de tomada de decisão, capazes de atuar na gestão dinâmica de diversas empresas, propiciando uma formação socialmente responsável, por de incentivo a prática do voluntariado e da responsabilidade social, conscientes de uma visão abrangente e integrada da profissão contábil.

Objetivos Específicos:

  • Ampliar o convívio social entre o meio acadêmico e a demanda de mercado.
  • Aplicar os conhecimentos acadêmicos em prol dos serviços de consultoria não atendidos a comunidades das micro e pequenas empresas.
  • Planejar e promover direcionamentos de esforços, para ações integradas que atendam o objetivo do curso de Ciências Contábeis e Administração da FAAM.
  • Criar oportunidades e espaços permanentes para o intercâmbio de conhecimento, informações, experiências e relações entre os professores e alunos dos cursos de Ciências Contábeis e Administração da FAAM.
  • Criar um sistema de interação, provocando assim, o contato entre alunos de diferentes áreas, para que de fato haja uma integração entre todos, o que permite um maior conhecimento interdisciplinar, tornando-os profissionais mais preparados para o mercado
  • Possibilitar realização de intenções voluntárias.
  • Desenvolver nos integrantes da Empresa Junior, habilidades, competências, comportamentos e conhecimentos, possibilitando de maneira diferenciada o seu crescimento pessoal e inserção profissional.

Público alvo

Micro e pequenos empresários, entidades sociais, condomínios e pessoas equiparadas a pessoa jurídica.

Área de Atuação

A EJ pretende atuar principalmente, nos municípios de metropolitana de Ananindeua, Belém e Marituba. Não estando descartada a possibilidade de atuar em outros municípios. 

Áreas de Conhecimento

As áreas de conhecimentos em que a Empresa Júnior da Faculdade da Amazônia – FAAM pretende atuar, estarão sendo inicialmente direcionadas as áreas de Ciências Sociais Aplicadas até as áreas de Tecnologia.